logo
Credivertentes
     

06/12/2019
Em artigo, João Pinto de Oliveira fala sobre os novos tempos de mudanças e coesão social

Texto, que você lê na íntegra abaixo, foi publicado em informativo do Sicoob Credivertentes no Jornal das Lajes

Tempos de mudanças tecnológicas, culturais, econômicas, comportamentais. Tempos que pedem soluções somente possíveis com a cooperação, a prática do idealismo comum. As palavras de ordem hoje são ‘globalização’, ‘fusões’, ‘alianças estratégicas’, ‘mercado’, ‘imagem’. Pautas que exigem de todos nós agilidade, informação, profissionalismo. Tudo isso além de alterações de pensamento e de atitude.

O Cooperativismo com seus valores éticos, humanistas; de inclusão social, educação, capacitação, geração de oportunidades e principalmente de qualidade de vida pode perfeitamente viabilizar a concretização de uma nova ordem econômica. Necessitamos, todavia, ser competitivos; eficientes nos negócios, positivos em nossos resultados e organicamente inseridos na comunidade.

A sociedade pleiteia e reclama, em todos os níveis, transparência, representatividade e diversidade em todos os âmbitos – do político ao institucional.

No nosso caso, o Cooperativismo de Crédito (com suas propostas de humanização da economia e desenvolvimento colaborativo) prova que é possível produzir com respeito pleno às pessoas e aos recursos naturais. Além disso, empodera todos os cidadãos, vistos como agentes efetivos contra a iniquidade e a deterioração dos princípios que maculam a sociedade. Daí a importância da formação de nossas crianças e jovens, do trabalhador, do empreendedor mediante a organização da sociedade onde atuamos, da formação de líderes, da qualificação profissional, da geração de empregos, da solidariedade.

WhatsApp Email LinkedIn Google+