logo
Cooperativismo
     

06/08/2018
Segurança é tudo: ações simples podem protegê-lo contra estelionatários

Credivertentes lança cartilha exclusiva e gratuita sobre o assunto

Foto: Freepik

O crime é definido de forma bem clara pelo Código Penal brasileiro desde 1940:

Art. 171 - Obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício ardil ou qualquer outro meio fraudulento”.

Em outras palavras, estamos falando sobre estelionatos, golpes que envolvem pedidos de doações, emissões de boletos fraudulentos ou solicitação de dados bancários por telefone, por exemplo. Na realidade, a lista de artifícios usados pelos criminosos é grande para chegar a um único final: prejuízos financeiros às vítimas.

De acordo com dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública em Minas Gerais, aliás, mais de 28,4 mil casos foram registrados no território só em 2017, número 8,6% superior ao verificado em 2016.

Naquele ano, aliás, quase 7 mil golpes foram aplicados contra idosos. E vale lembrar: essas são ocorrências que chegam às delegacias. Na prática, um número ainda maior de pessoas pode ter caído em armadilhas desse tipo sem denunciar.

De olho nessas situações, o Sicoob criou uma lista de alertas para proteger você. O acesso é fácil, clicando aqui. Outra opção está na postagem de Facebook abaixo:
 


Há mais. Quer ter essas informações sempre à mão para tirar dúvidas ou dar dicas a amigos e familiares? O Sicoob Credivertentes criou uma cartilha exclusiva cheia de explicações e comentários valiosos. O download desse material, em PDF, pode ser feito aqui.

WhatsApp Email LinkedIn Google+