logo
Cooperativismo
     

21/01/2018
Luto: cooperativismo se despede de Alberto Ferreira, presidente do Conselho de Administração do Sicoob Central Crediminas e da Crediriodoce

Legado humanista e empreendedor marcou, também, história da Credivertentes

Foto: RP3 Vídeo e Fotografia/Portal Caparaó/Divulgação

O cooperativismo nacional perdeu na noite de ontem, 20, um de seus mais importantes defensores e agentes de mudança. Faleceu em Governador Valadares, aos 68 anos, o presidente do Conselho de Administração do Sicoob Central Crediminas e da Crediriodoce, Alberto Ferreira, vítima de um acidente automobilístico.

Em nota, a Central manifestou “imenso pesar” e frisou que “sua partida repentina nos deixa uma grande sensação de consternação”. No mesmo texto, Ferreira é descrito como “um líder que trabalhou diariamente para o desenvolvimento, levando o nome do cooperativismo mineiro ao centro de destaque do cooperativismo de crédito nacional”.

O Sicoob Crediriodoce também emitiu comunicado sobre a perda.

Credivertentes

Apoiador, companheiro e defensor das mesmas bandeiras que o Sicoob Credivertentes, Alberto sempre será lembrado na história da nossa cooperativa como um dos grandes obreiros em prol de um sistema financeiro mais humano, justo, solidário e desenvolvimentista.

Entusiasta das realizações de cada integrante da Central Crediminas, ele marcou presença nas comemorações pelos 30 anos de fundação da nossa Credivertentes e destacou, em discurso, a representatividade do momento. “Sabemos que histórias como esta, da Crediriodoce e dezenas de outras se baseiam em persistência, resiliência e até resistência. A luta, porém, não terminou. Sigamos”.

Tal postura corajosa, determinada e incentivadora tornou-se marca registrada de Alberto Ferreira por onde passou e sustenta lembranças saudosas como a da diretora executiva da Credivertentes, Flávia Coelho, com passagens tanto pela Crediriodoce quanto pela Central Crediminas: “Foram 18 anos de convivência e respeito mútuo. Aprendi muito com ele e sempre recebi apoio irrestrito. Sofremos com a perda, mas teremos sempre em mente um legado indiscutível como inspiração”.

WhatsApp Email LinkedIn Google+