logo
Credivertentes
     

20/11/2017
Credi realiza III Encontro de Delegados

Evento marcou posse de representantes eleitos neste ano e troca de conhecimentos enquanto consagrou Sistema de Governança da cooperativa

Foto e Arte: Deividson Costa

Márcio Almeida é empreendedor e abre as portas, seis vezes por semana, de uma loja de produtos agropecuários em Santa Rita do Ibitipoca. Na última sexta-feira, 17, já se preparava para dormir quando recebeu um telefonema: o tio de dois funcionários havia falecido e, no dia seguinte, se ausentariam do trabalho.

Acontece que o “dia seguinte” era uma data especial: sábado, 18, dia de posse de Almeida como um dos 161 delegados do Sicoob Credivertentes. “Cheguei a quase cancelar minha vinda. Mas lembrei do quanto aquele momento era importante e tudo o que a cooperativa representa pra mim”, conta.

Resultado: horas a fio tentando reorganizar a rotina da loja, noite encurtada e, mesmo assim, disposição total para participar do III Encontro de Delegados da Credi, em Barbacena.

Bem como Almeida, outras 200 pessoas participaram do evento, marcado por um curso preparatório para os novos representantes dos 16,1 mil associados Sicoob no Campo das Vertentes. Todos eleitos democraticamente no primeiro semestre deste ano e empossados agora para gestão que se estenderá por quatro anos.

 

Encontro

É a segunda vez que a Credivertentes diploma delegados. A primeira ocorreu em 2013, quando 120 membros da Governança começaram a atuar. Neste ano, com o aumento do total de associados, cresceu também a necessidade de representatividade. Daí a eleição e a posse de 161 pessoas (cada uma representando um grupo de cem cooperados em seus respectivos Pontos de Atendimento).

Tarefa desafiante e essencial, aliás, para o funcionamento da Credi. Na função de delegados, os membros primam pela cidadania, pela comunicação e pelo crescimento institucional do grupo que soma, agora 17 agências. São eles quem votam, em assembleias, as principais pautas decisórias na Credivertentes, considerando o bem-comum. Além disso, são canais diretos de ligação entre os cooperados que representam e a diretoria, por exemplo.

 

Depoimentos

O Sistema de Governança foi idealizado pelo diretor executivo-financeiro Luiz Garcia e pela gerente-administrativo Adriana Martins há cerca de cinco anos. O objetivo era ampliar a participação dos associados em consonância com o crescimento gigantesco da cooperativa na última década. A palavra-chave, então, passou a ser representatividade. “No entanto, para isso, é preciso que as pessoas eleitas se preparem, abracem o conhecimento como parte inerente de suas atividades. Só assim haverá avanço e transformação, principalmente num momento como o que o país enfrenta agora”, frisou Adriana.

Algo semelhante apontou Garcia. “Não se começa uma casa pelo telhado. Acordamos cedo e estamos aqui agora porque somos agentes de mudança. Mudança no nosso cotidiano; mudança na cooperativa em sua comunidade e, passo a passo, de todo o cenário”.

 

Palestras

Dois grandes nomes se revezaram nas palestras ministradas ao longo do III Encontro de Delegados: Inocêncio Magela de Oliveira; e Júlio César de Andrade Miranda. Entre os temas, “Quem é quem no universo da cooperativa”; “Marketing pessoal, reputação e papel do delegado”; Ética e confiança”; “Espaço crucial do delegado e a liderança”.

Charles Nascimento, eleito delegado em São João del-Rei, comemorou a agenda. “Aprendi muito sobre minha atuação na Credi e, além disso, vou levar muito do que foi ensinado para o meu dia a dia como empreendedor”, disse.     

WhatsApp Email LinkedIn Google+